Audiência vai debater a realização da programação artística dos festejos do Bom Jesus

Programação Artística 03

 

Convocada e conduzida pelo prefeito de Penedo, Marcius Beltrão, no próximo dia 17 de setembro, na Casa de Aposentadoria, vai acontecer uma audiência pública. O propósito da convocação é debater a realização da programação artística dos festejos em homenagem ao Glorioso Bom Jesus dos Navegantes, santo protetor dos beiradeiros e remeiros.

Em 2015, foi realizada a 131ª edição da festa, que acontece sempre na segunda semana de janeiro. No Baixo São Francisco alagoano, as comemorações iniciam por Penedo. O Glorioso é festejado em todos os municípios que margeiam o Rio São Francisco, tanto do lado alagoano, quando sergipano.

Nos dois primeiros anos da administração Marcius Beltrão, a programação artística foi realizada, com estimativa de público no período noturno de 60 mil pessoas, entre a Praça 12 de Abril e o Campo do Sinimbu, palco dos shows. Entretanto, devido o atual quadro econômico, em 2015, teve que ser suspensa. O Município apoiou a realização da programação religiosa, como em todos os anos que se passaram.

“Venho sendo abordado constantemente por pessoas ligadas a diversos setores da sociedade, serviços, taxistas, empresários de restaurantes, hotéis e lojistas. Todos querendo a realização da programação artística da festa. Como o momento político e econômico do Brasil é delicado, eu sou gestor do dinheiro do povo, os recursos são do povo, queremos escutar a sua opinião através de uma audiência pública. Que além da população, deve estar presente os vereadores, os meios de comunicação, representantes de diversos segmentos e associações. Na verdade, estou dividindo de forma democrática com meu povo, as responsabilidades”, explicou o prefeito de Penedo, Marcius Beltrão.

Para o debate, sobre a realização da programação artística, com shows e apresentações culturais, o gestor convocou os moradores da cidade, diversos segmentos da sociedade civil e organizada, empresários, comerciantes, proprietários de bares, restaurantes, hotéis e prestadores de serviços. Além de representantes dos três poderes, Executivo, Legislativo e Judiciário, nos âmbitos, Estado, Município e União.

E ainda, as corporações militares (Polícia Militar, Corpo de Bombeiros) que trabalham com a segurança e prevenção em terra e água durante os quatro dias dos festejos e, a Marinha do Brasil, também responsável pela fiscalização federal do Velho Chico.

A audiência pública acontecerá no dia 17, a partir das 9hrs, no auditório da Casa de Aposentadoria, localizada na Praça Barão de Penedo, s/n, Centro Histórico da cidade.

Baixe o edital de convocação

Baixe o decreto da audiência