Atenção Básica e CAPS discutem fortalecimento da rede de atenção psicossocial de Penedo

 

DSC_0921
A Secretaria Municipal de Saúde de Penedo realizou na manhã desta terça-feira, 24, no auditório do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) uma reunião com médicos e enfermeiros da atenção básica juntamente com a equipe do Centro de Apoio Psicossocial (CAPS) Dr Oceano Carleal. O encontro teve como objetivo traçar a rede de atenção psicossocial de Penedo, enfatizando a importância do cuidado de base territorial, evitando as internações em hospital psiquiátrico, uma vez que tais internações segregam os usuários, afastando – os do convívio social e familiar.

DSC_0917Na oportunidade também foram discutidos os encaminhamentos para a especialidade da psiquiatria ambulatorial e o papel da atenção básica no cuidado em saúde mental, sendo a estratégia da saúde da família a porta de entrada para o cuidado em saúde. A importância da diversificação do cuidado, nos diversos serviços de saúde (UPA, CAPS, SAMU, Atenção Básica, etc.) é algo que necessita ser garantido como direito ao cuidado integral dos usuários em sofrimento mental previsto na portaria do Ministério da Saúde, N° 3.088 e pela Lei federal, N°1.216, fortalecendo o protagonismo dos usuários nesse processo e afirmando o compromisso do cuidado ampliado.

“O município de Penedo busca garantir uma assistência de qualidade e humanizada com o olhar voltado para a inserção social dos portadores de transtornos mentais”, declarou a Terapeuta Ocupacional e coordenadora do CAPS, Karine Omena.