DSC_0005

 

A partir desta quarta-feira (30), a Prefeitura de Penedo passa a responder oficialmente pela Unidade de Beneficiamento de Pescado (UBP), que fica localizada no povoado Cooperativa 1º Núcleo. Construída pelo governo federal ao custo de R$ 700 mil, a unidade ficou fechada por seis anos.

Em solenidade oficial que aconteceu na própria sede da UBP Engenheiro Carlos Gilberto Lyra, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), transferiu ao secretário de Agricultura de Penedo, Ricardo Góes, que representou o prefeito, a administração da Unidade.

“Está data marca o início do processo de abertura da Unidade de Beneficiamento de Pescado. Vamos arregaçar as mangas e suar a camisa, para que o projeto entre em funcionamento o mais rápido possível. Queremos contribuir com o fortalecimento da agricultura familiar, com a produção da matéria prima, e como consequência, também gerar emprego e renda para todos os envolvidos. Agradeço essa parceria com a Codevasf, que vem contribuindo veementemente como o desenvolvimento da nossa região. E essa transferência de tutela é mais uma prova disso. Uma demonstração que o governo federal, através Codevasf, confia na nossa administração”, comemorou o secretário de Agricultura, Ricardo Góes, ao falar de mais uma grande conquista para os penedenses.

DSC_0144Projeto de reestruturação

A Unidade de Beneficiamento de Pescado Engenheiro Carlos Gilberto Lyra ficou fechada por seis anos, com isso, o prédio e equipamentos sofreram com a ação do tempo. Alguns maquinários até por falta de uso, sofreram o processo natural de deterioração, outros ficaram obsoletos. E o prédio, apresenta danos.

“Como já existia um diálogo visando à transferência da Unidade para a atual gestão, buscamos apoio em Brasília para colocá-la em funcionamento. Apresentamos um projeto ao Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) orçado em cerca de R$ 8 milhões. Este aporte se aprovado, vai ser investido na reestruturação da UBP, com a compra de equipamentos e veículos. Bem como, a apoio ao produtor na criação e construção de tanques escavados de peixe. Desta forma, com a matéria prima dando para suprir a produção da fábrica de beneficiamento, iniciaremos os trabalhos. Também destaco que isso não será de imediato, um trabalho a médio e longo prazo. Mas, que dará os grandes resultados que buscamos”, concluiu o secretário.

DSC_0020